Eu sei que dói. É horrível. Eu sei que parece que você não vai agüentar, mas aguenta. Sei que parece que vai explodir, mas não explode. Sei que dá vontade de abrir um zíper nas costas e sair do corpo porque dentro da gente, nesse momento, não é um bom lugar para se estar.

Olá, eu sou Ianca tenho 15 anos, e amo meus amigos e minha mãe, acima de qualquer outra coisa! Espero que goste daqui :*
Uso aqui como meio de dizer/demonstrar o que estou sentindo, ou o que já senti.
∞ Bem-vindo!





home


ask


archive


tlink4
Intensely Alive


theme by sabedorias, with details
by sk8er-girl, b-reakable, desesperancoso e call-menow.
« dont copy, dont remove this tag »

(Fonte: casadevibes)



Posted Há 1 dia with 14.749 notas · reblog this
originally casadevibes via ixxxxxcurrega


Saudade é não saber. Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais compridos, não saber como encontrar tarefas que lhe cessem o pensamento, não saber como frear as lágrimas diante de uma música, não saber como vencer a dor de um silêncio que nada preenche.
Martha Medeiros. (via garotaesuasfases)

(Fonte: antiga-romantica)



Posted Há 1 dia with 8.645 notas · reblog this
originally antiga-romantica via garotaesuasfases


Só de escutar teu nome ontem, me veio um turbilhão de lembranças naquele momento. Senti uma vontade absurda de te abraçar de novo, de sentir teu cheiro, vê teu sorriso. Mas, percebi que nada mais poderia ser como era antes, pois tudo passou. E o que restavam naquele momento, eram somente lembranças de alguém que jamais voltaria.
Maya. (via deixa-voar)


Posted Há 1 dia with 58 notas · reblog this
originally deixa-voar via erronizar


Domingo, 05 de outubro de 2014.
Não vou mentir, esses últimos dias tem sido difíceis sem você. Mas chega uma hora que devemos seguir em frente. E chegou a minha hora. Só queria que você soubesse que eu não me arrependo de nada, não me arrependo de ter te conhecido e de ter me entregado pra você. E se eu pudesse voltar no tempo, faria tudo de novo. Você me fez sorrir como nunca me fizeram antes. E me mostrou que pessoas diferentes se completam perfeitamente, assim como tu me completou.
Eu quero agradecer pelo nosso pequeno para sempre, que durou tempo suficiente para me ensinar que o amor é um dos melhores sentimentos que pode desabrochar na gente.
Sempre tem alguma coisa no meu dia que me faz lembrar de ti e quando isso acontece, me pego sorrindo. E sempre vai ser assim, porque pensar em você, me causa sorrisos involuntários.
Não vou negar que apaguei todas as suas fotos, pra não cair em tentação e ficar olhando esse teu sorriso lindo! Porque tu sabe, que eu até tento ser difícil, mas esse seu sorriso, puta que pariu, esse seu sorriso, como tudo em você, fode comigo.
Só desejo de todo o meu coração, que tu esteja bem e que seja muito, mas muito feliz. Porque você merece sorrisos e eu amo você. Mais il est temps de dire au revoir, mon amour.
E eu juro amor, essa é a última vez que escrevo sobre você. Gabriela Santos. (via involuntus)

(Fonte: escriturias)



Posted Há 2 semanas with 1.023 notas · reblog this
originally escriturias via involuntus


(Fonte: ancoraepaz)



Posted Há 2 semanas with 55 notas · reblog this
originally ancoraepaz via involuntus


E obrigado, sério mesmo. Por ter me ensinado a acreditar mais na vida. Por me mostrar que nem sempre as coisas serão como esperamos que sejam, e que nem por isso não significa que deram errado. E obrigado, principalmente por abrir meus olhos e me mostrar o que realmente importa pra minha felicidade. Você. Nós.
Rennan Alves.  (via involuntus)


Posted Há 2 semanas with 3.652 notas · reblog this
originally involuntus via involuntus


Eu acho que com o tempo a gente aprende, que mendigar amor e atenção nunca é a melhor opção. Que pedir pra que alguém fique, quando o que ela mais quer é ir embora não faz ninguém feliz. A gente aprende que se afastar nem sempre é o melhor, mas é a coisa certa a se fazer. Que mesmo você amando muito alguém, ela possa não te amar da mesma forma. É isso que a gente aprende, que nem sempre a vida é como a gente quer que ela seja.
Rennan Alves.  (via involuntus)


Posted Há 2 semanas with 10.506 notas · reblog this
originally involuntus via involuntus


Mas aí, no meio do choro eu pensei: Caramba, o que eu tô fazendo aqui? Tem um mundo lindo lá fora, prontinho pra ser aproveitado, há pessoas que ainda não provaram do meu melhor, ainda há uma vida inteira pra ser escrita. Caramba, oque eu tô fazendo aqui?
Rennan Alves.  (via involuntus)


Posted Há 2 semanas with 13.436 notas · reblog this
originally involuntus via involuntus




Posted Há 2 semanas with 16.411 notas · reblog this
originally involuntus via involuntus


Se está escrito “puxe”, não adianta empurrar.
Paulo Coelho. (via pronuncio)

(Fonte: c-a-n-a-r-i-o)



Posted Há 1 mês with 77.117 notas · reblog this
originally c-a-n-a-r-i-o via se1ze-th3-day


(Fonte: ohmydarth)



Posted Há 1 mês with 36.390 notas · reblog this
originally ohmydarth via se1ze-th3-day


Como se a gente tivesse obrigação de fazer alguma coisa toda noite. Só porque é sábado. Essa obsessão urbanoide de aliviar a neurose a qualquer preço no fins de semana, pode? Tenho vontade de dizer nada, não vou fazer absolutamente nada. Só talvez, mais tarde, se estiver de saco muito cheio, tentar o suicídio com uma-dose-excessiva-de-barbitúricos, uma navalha, um bom bujão de gás ou algo assim. Se você quiser me salvar, esteja a gosto, coração.
Caio Fernando Abreu.  (via silencio-alto)

(Fonte: recomendar)



Posted Há 1 mês with 3.122 notas · reblog this
originally recomendar via iamagrainofsand


A gente alonga a história, nem que seja para dizer que chorou. Porque terminá-la, colocar um ponto definitivo, é duro demais. A gente vira dor para não virar fim.
Tati Bernardi.   (via amigodoacaso)

(Fonte: alentador)



Posted Há 2 meses with 5.812 notas · reblog this
originally alentador via amigodoacaso


Por favor não me prometa o mundo, não quero tudo isso, eu só quero atenção. Quero que note o novo corte de cabelo ou a cor que quase imperceptivelmente mudou. Diga diariamente o quanto me ama, diga várias vezes e não só com a boca, use os olhos e seu coração, use a alma pra me falar do seu amor. Lembre-me diariamente que sabe e pode me fazer feliz, relembre-me dos nossos primeiros encontros e de como você adorava rir ao telefone. Lembre-me do quanto eu amava seu riso ao telefone. Lembre-me o porque de nossos beijos se completarem e não se esqueça de dizer o quanto quer que isso nunca mude. Às vezes eu não vou merecer isso, mas tenha paciência e só aumente o tom de voz quando precisar cantar nossa canção pra que eu perceba que ela ainda faz sentido. Quando eu não merecer seu beijo me beije assim mesmo e não diga nada, eu vou saber interpretar seu silêncio e vou querer corrigir meu erro. Não deixe que outro alguém me dê ombro quando o ombro que me pertence é o seu e não deixe que ninguém seja mais meu amigo que você, não quero ter segredos com outra pessoa, entende isso? Se não houver mais planos e de alguma forma perder a graça, me diga isso e diga se quer recuperá-la, diga antes que seja tarde e eu farei por ti ainda mais que o que faço, qualquer coisa, um sonho doido, o que quer que seja pra que a mágica não se perca. Esteja atento a mim, mostre-me isso, se mostre aqui. Estou ligada em tudo que te cerca e a única coisa que pode evitar que isso mude é que você faça o mesmo por mim. Me ame de volta, com toda a atenção e carinho que também lhe dedico, me ame por inteira e permita que eu possa te amar também. Me ame de verdade e convença-me, todos os dias, que não fará sentido algum amar outro alguém.
Chuck and Blair.   (via involuntus)

(Fonte: s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r)



Posted Há 2 meses with 18.123 notas · reblog this
originally s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r via involuntus


É meu amor, quem desiste nunca quis. Hoje só peço paz, mas Deus tá me dando muito mais.
Caio Fernando Abreu. (via recontador)

(Fonte: orquideo)



Posted Há 2 meses with 1.525 notas · reblog this
originally orquideo via ixxxxxcurrega